Ismê Assessoria Imobiliária

Ismê Assessoria Imobiliária
Imóveis em Campinas - Barão Geraldo e Cidade Universitária - fone (19) 3289-4325

COMO COMBATER OS FALSOS CORRETORES DE IMÓVEIS?

Aumento na frota, campanhas de conscientização e dicas ao cliente são algumas das ações utilizadas  para combater falsos corretores de imóveis
A atuação das entidades sempre foi fundamental e por vezes questionadas por profissionais do mercado imobiliário. Afinal, com um mercado em expansão, também cresce a possibilidade de falsos profissionais tirarem espaço dos que estão na profissão legalmente.
E para combater estes falsos profissionais, cabe ao CRECI fazer sua parte e intensificar este combate. A exemplo disso, o CRECI-SC adquiriu quatro novos veículos e duas motocicletas, aumentando a frota de fiscalização para 10 veículos e duas motocicletas.
O cliente desistiu de comprar o imóvel
“É importante investir na reformulação do trabalho no setor de fiscalização, já que a atividade fiscalizadora visa a valorização e a melhoria da imagem da profissão do corretor de imóveis, bem como a proteção do próprio profissional e a sociedade como um todo. Com melhores equipamentos e com aumento do efetivo, o setor de fiscalização poderá garantir que somente profissionais devidamente registrados junto ao CRECI atuem no mercado catarinense sem oferecer riscos,” comenta.

Cidades como Balneário Camboriú, Florianópolis, Joinville, Itapema e Blumenau são as que têm maiores índices do exercício ilegal da profissão, aponta Beims. “Hoje, onde existe um maior número de empresas imobiliárias, é onde ocorre maior autuação a falsos profissionais”, ressalta.
Nessa caso, O CRECI/SC sempre faz campanhas de valorização e conscientização justamente para, evitar a atuação de falsos profissionais que lesam e prejudicam pessoas. Mas o cliente também deve estar atento. “O que nós sempre alertamos é que quando uma pessoa for realizar qualquer negócio imobiliário, procure sempre um profissional credenciado ao CRECI para evitar dores de cabeça”, ressalta.
A precaução é simples, segundo Beims. Basta exigir do profissional que irá realizar a intermediação imobiliária o documento profissional. “É dever dos Corretores de Imóveis apresentarem ao seus clientes seus documentos profissionais, sua cédula e sua carteira profissional onde é possível ver o número de registro do CRECI/SC”, comenta.
Ambos os documentos são expedidos pelo Sistema COFECI-CRECI. Exiga sempre o CRECI do Corretor, pois esta é a garantia de negócio certo.
Por: Redação Redimob